Clube Dores

Quem procura, acha!

Publicada em 30 de junho de 2016.

Anterior
Próxima

Na edição passada da Dorense em Revista, na seção “Memória”, mostramos as vencedoras da categoria juvenil do concurso Garota do Sol 1993. (clique aqui para visualizar a revista)

Junto à foto, lançamos um desafio, que, confessamos, foi mais uma brincadeira, pois não esperávamos resposta.
Para a surpresa geral da redação, a publicação viajou por via física, boca-a-boca e até whatsapp, chegando, por fim, nas mãos de ambas as meninas da foto. Um detalhe: elas ainda são amigas e, mesmo morando muito longe uma da outra, ainda mantêm contato. Veja por onde andam Daniela e Maira¹!

Daniela Vey


A vencedora do concurso de 1993 foi a primeira a receber a notícia da publicação da foto, por meio do irmão que ainda reside em Santa Maria. Há oito anos, Daniela mora na cidade de Córdoba, na Argentina. Em terras hermanas, a dorense abriu uma empresa de estética canina – a “Poneme Guapo”. Na foto ao lado, posa com a filha Maria Alice, que tem 6 anos e nasceu em terras argentinas.

Maira da Costa


Quase na data de fechamento da edição de junho, recebemos um e-mail de Maira, a vice Garota do Sol da foto. “Fico feliz em receber o mesmo carinho e reconhecimento igual ao que tinha na época. A família Dorense sempre aconchegante”, agradeceu. Há 9 anos, Maira reside em Porto Alegre e trabalha como advogada. Na foto, aparece grávida do filho Antônio, hoje com 5 anos.

¹Maira da Costa: na edição 119, em função de um equívoco no registro da época, grafamos o nome da segunda colocada do Garota do Sol 1993 como “Maria” e não “Maira”, como seria correto.

Clube Dores
© 2014 CLUBE DORES   |   Todos os direitos reservados
Site produzido pela Netface